Há 25 anos na defesa e promoção dos direitos das mulheres

História


A THEMIS – Gênero, Justiça e Direitos Humanos  foi criada em 1993 por um grupo de advogadas e cientistas sociais feministas com o objetivo de enfrentar a discriminação contra mulheres no sistema de justiça. A história da THEMIS  se confunde com as lutas e conquistas das mulheres brasileiras. É uma organização da sociedade civil com sede em Porto Alegre (RS/Brasil).

Seu trabalho está estruturado a partir de três estratégias principais:

  • Fortalecer o conhecimento das mulheres sobre seus direitos e o sistema de justiça. Para isso, a THEMIS criou o Programa de Formação de Promotoras Legais Populares (PLPs) que capacita lideranças comunitárias femininas em Direitos Humanos, Direitos das Mulheres, bem como explica o funcionamento básico de organização dos sistemas Justiça e do Estado;
  • Dialogar com operadores/as do Direito sobre os mecanismos institucionais que preservam e reproduzem a discriminação contra mulheres. Com este objetivo, foram organizados seminários, cursos, workshops e publicações, trazendo a teoria feminista do Direito para o debate jurídico local, e propondo novas abordagens para o uso do Direito;
  • Advogar em casos estratégicos para proteger e alavancar direitos das mulheres em esfera nacional ou internacional.

 

MISSÃO:  Construir com as mulheres caminhos de acesso à justiça e de fortalecimento da cidadania que enfrentem as desigualdades raciais, socioeconômicas e culturais.

VISÃO: Um mundo onde as mulheres sejam protagonistas de seus direitos e vivam livres de quaisquer formas de violência.

VALORES:

  • Justiça
  • Democracia
  • Direito das mulheres (igualdade de gênero).

 

A THEMIS concentra sua atuação na promoção de uma rede de apoio e enfrentamento formada por diversos segmentos para compartilhar, elucidar e defender os direitos fundamentais das mulheres. Desde a sua criação a Themis desenvolveu 17 programas de formação de Promotoras Legais Populares e Jovens Multiplicadoras de Cidadania (JMCs).

A THEMIS participou do consórcio de organizações que debateu e propôs a Lei Maria da Penha e acompanha sua implementação.

.