Há 25 anos na defesa e promoção dos direitos das mulheres

Mulheres, Dignidade e Trabalho

Na América Latina, há 19 milhões de trabalhadoras e trabalhadores que desempenham suas atividades remuneradas em lares privados, representando cerca de 7% da ocupação urbana regional (Organização Internacional do Trabalho – OIT, 2012). O trabalho doméstico constitui um fenômeno eminentemente feminino e urbano, sendo as mulheres cerca de 95% da força de trabalho doméstico na América Latina.

Diante disso, a Themis – Gênero, Justiça e Direitos Humanos, em parceria com organizações de trabalhadoras domésticas do Equador, Brasil e Colômbia, com a Associação Francesa de Desenvolvimento (AFD) e com a CARE International, vem desenvolvendo o projeto Mulheres, Dignidade e Trabalho, que contempla iniciativas de capacitação técnica e em direitos humanos para as trabalhadoras da categoria.

Dentre os objetivos do projeto está a criação de uma Escola de Formação de Habilidades para a Vida e o Cuidado que ofereça às trabalhadoras domésticas a possibilidade de qualificar seu trabalho. Esta escola considerará temas como: alfabetização em serviços, opção que permite às mulheres, além de qualificar seu trabalho, melhorar suas habilidades de leitura e escrita; cozinha saudável; cuidado especializado de crianças e pessoas idosas e outras áreas técnicas.

Paralelamente, será desenvolvido um processo de formação centrado nos direitos humanos e trabalhistas. Esta etapa abordará  os principais marcos normativos da área e as formas de organização social para a defesa de direitos. Para as lideranças sindicais, será desenvolvido um módulo especial que compreenderá a gestão administrativo-financeira dos sindicatos, que abrange a gestão de talentos humanos, a relação com outros atores, a gestão de recursos técnicos e financeiros e a prestação de contas.

O Processo Formativo contará com o aval acadêmico e certificação das Universidades parceiras, a fim de agregar valor ao serviço prestado pelas trabalhadoras. O modelo de governança do projeto compreende um Comitê Consultivo integrado pelas organizações de trabalhadoras domésticas, que cumprem um papel estratégico na tomada de decisões das propostas que serão implementadas.

Clique aqui  para ler a íntegra do projeto “Mulheres, Dignidade e Trabalho”.

 

    

 

Equipe e parceiros da Themis (Conceptu) e colaborados da CARE em reunião final sobre detalhes do projeto que começará a ser executado em 2019.

.